Paróquia Sagrado Coração de Jesus - Diocese de Amparo
 

PESQUISAR

Digite a palavra ou frase de seu interesse:

ACERVO

DESTAQUES

FOTOS EM DESTAQUE

 
Palavra do Padre Jose - Catequese:
A BÍBLIA SAGRADA

A imprensa foi inventada por Gutemberg (séc. XV) e o primeiro livro impresso foi a Bíblia (1455/1460) com 73 livros, mas os protestantes vieram no século XVI, profanaram e mutilaram as Sagradas Escrituras arrancando 07 livros. A Bíblia é o livro mais conhecido e divulgado no mundo inteiro. Ela é uma espécie de biblioteca onde se encontram vários livros e autores. A Bíblia já foi traduzida para mais de 1685 línguas, mas mesmo assim tem pessoas que ainda não a conhece, porque não a estudam. A Bíblia é um livro que possibilita um estudo agradável para o conhecimento e uma boa espiritualidade. Ela desperta cada vez mais o interesse do povo à Fé Cristã.
De onde vem a Bíblia? Quem a escreveu? Quando a Bíblia foi escrita? Porque a Bíblia é um Livro tão importante para a humanidade? A Bíblia nos transmite o querer, o desejo e o amor de Deus. “Desde a infância você conhece as Sagradas Escrituras; elas têm o poder de lhe comunicar a sabedoria que conduz à Salvação pela fé em Jesus Cristo. Toda Escritura é inspirada por Deuse é útil para ensinar, para refutar, para corrigir, para educar na justiça, a fim que o homem de Deus seja perfeito, preparado para toda boa obra” (II Timóteo 3, 12-17). “AS coisas reveladas por Deus, contidas e manifestadas na Sagrada Escritura, foram escritas por inspiração do Espírito Santo” (Dei Verbum 11).
“O QUE É A BÍBLIA SAGRADA? A definição canônica mais curta da Bíblia é a revelação de Deus à humanidade. Tudo o que Deus tem preparado para o homem, bem como o que Ele requer do homem, e tudo o que o homem precisa saber espiritualmente da parte Dele quanto a sua redenção e felicidade eterna, está revelado na Bíblia. Tudo o que o homem tem a fazer é tomar a Palavra de Deus e apropriar-se dela pela fé. O autor da Bíblia é Deus; seu real intérprete é o Espírito Santo, e seu assunto central é o Senhor Jesus Cristo. O homem deve ler a Bíblia para ser sábio, crer na Bíblia para ser salvo e praticar a Bíblia para ser santo ou santificado.
MATERIAIS ORIGINAIS – Inicialmente em Cerâmica, depois em Papiro: Material extraído de uma planta aquática desse mesmo nome. Há várias menções dele na Bíblia, como por exemplo, (Jó 8,11). De papiro deriva o termo papel. Seu uso na escrita vem de 3.000 a.C., no Egito. Pergaminho: Ë a pele de animais, curtida e preparada para escrita. É material superior ao papiro, porém de uso mais recente do que aquele. Teve seu uso generalizado, a partir do início do século I, na Ásia Menor. É também citado na Bíblia, exemplo: (II Timóteo 4,13).
LÍNGUAS ORIGINAIS: Hebraico: Para o Antigo Testamento / Grego: Para o Novo Testamento. O Antigo Testamento foi escrito em Hebraico, uma língua da família das línguas semíticas, caracterizada pela predominância de consoantes a não ser Esdras 4,8 a 6,18 e Esdras 7,12-16; Jeremias 10,11; Daniel 2,4 a 7,8, que foram lavrados em Aramaico.
A ESTRUTURA DA BÍBLIA: Composta por 73 Livros, sendo 46 no Antigo Testamento e 27 no Novo Testamento; A divisão dos Livros da Bíblia em capítulos é da autoria do inglês Estevão Langton, Arcebispo de Cantuária, e foi realizada no ano de 1214. Já a divisão dos capítulos em versículos foi feita, em definitivo, em 1551, pelo tipógrafo Roberto Stefano. Uma curiosidade: A Bíblia tem 1.328 capítulos e 40.030 versículos. O Livro maior é o dos Salmos, com 150 capítulos; O Livro menor é II João; O maior capítulo é o Salmo 119; O menor capítulo é Salmo 117; O capítulo 37 de Isaías e o 19 de II Reis são iguais; O maior versículo está em Ester 8,9; O menor versículo está em Êxodo 20,13; em Lucas 20.30; em Jó 3, 2. Como se vê, depende da versão Bíblica; O verso central é Salmos 118,8. (Centro da Bíblia).

A DIVISÃO DA BÍBLIA – Está dividida em duas partes principais. Antigo e Novo Testamento. O Antigo Testamento com seus 46 livros estão divididos em 4 classes: LEI, HISTÓRIA, POESIA, PROFECIA. Os livros de cada classe são os seguintes: LEI (Torá): Os 05 primeiros livros do Antigo Testamento ou cinco livros de Moisés - Gênesis, Êxodo, Levítico, Números, Deuteronômio, esses cinco livros são chamados Pentateuco. Tratam da Criação e da LEI.
HISTÓRIA: São 16 Livros - Josué, Juízes, Rute, I Samuel, II Samuel, I Reis, II Reis, I Crônicas, II Crônicas, Esdras, Neemias, Tobias, Judite, Ester, I Macabeus, II Macabeus. Contém a História do povo escolhido: Israel; POESIA / SAPIENCIAIS: São 07 Livros – Jó, Salmos, Provérbios, Eclesiastes, Cânticos dos Cânticos (Confira Cantares de Salomão),


Sabedoria e Eclesiástico. PROFECIA – São 18 Livros - Isaías, Jeremias, Lamentações, Baruc, Ezequiel, Daniel, Oséias, Joel, Amós, Abdias, Jonas, Miquéias, Naum, Habacuc, Sofonias, Ageu, Zacarias, Malaquias.
Na Bíblia hebraica (o Antigo testamento), a divisão dos livros é bem diferentes como já falamos; O Novo Testamento seus 27 Livros também estão divididos em três classes: Biografia histórica, Doutrina, Profecia.
Os livros de cada classe são os seguintes: Biografia histórica: São os 04 Evangelhos - Mateus, Marcos, Lucas, João e Atos dos Apóstolos. Descrevem a vida terrena de Jesus Cristo e o seu glorioso ministério entre as pessoas. Os três primeiros são chamados Sinópticos dos Evangelhos falam também da sua universalidade, por serem quatro os pontos cardeais; O Livro de Atos dos Apóstolos registra a história da Igreja Primitiva, seu viver e agir, mostrando que o segredo do progresso da Igreja é a plenitude do Espírito Santo. Doutrina: São 21 Livros chamados Epístolas ou Cartas. Umas são dirigidas a Igrejas e outras a indivíduos; Cartas de Paulo Apóstolo são 14 Romanos, I Coríntios, II Coríntios, Gálatas, Efésios, Filipenses, Colossenses, I Tessalonicenses, II Tessalonicenses, I Timóteo, II Timóteo, Tito, Filêmon e Hebreus; Cartas Universais ou Gerais: São 07 - Tiago, I Pedro, II Pedro, I João, II João, III João e Judas; Profecias: É o Livro de Apocalipse. Significa revelação e trata do juízo final, julgamento de Deus, é o inverso do Livro de Gênesis que narra como tudo começou; aqui, como tudo findará.
O TEMA CENTRAL DA BÍBLIA: O nome de Jesus consta do primeiro ao último versículo do Novo Testamento. A Bíblia, tendo Cristo como o tema central, podemos resumir todo o Antigo Testamento numa frase: JESUS VIRÁ, e o Novo Testamento noutra frase: JESUS JÁ VEIO para nos redimir do pecado. Assim sendo, as Escrituras sem a pessoa de Jesus seriam como a Física sem a matéria e a matemática sem os números. Já imaginou um Cristão sem a Bíblia?
E nós, o que estamos fazendo, para difundir a Bíblia o Livro que nos ensina o Caminha da Salvação, como mandou o Senhor Jesus? E disse-lhes: “Ide por todo o mundo, e pregai o Evangelho a toda criatura”. (Marcos 16,15; João 3, 16)”. Colaboração de Daniel Borges e Padre Alberto Antoniazzi.
 
Comentários: Seja o(a) primeiro(a) a deixar um comentário!
Imprimir
 
 
 

CADASTRAR-SE

Cadastre seu e-mail para receber atualizações do nosso site:

NOTÍCIAS

DESTAQUES

VÍDEO EM DESTAQUE